Relato: Curso ACA de Águas Brancas em Três Coroas

No final de semana de 23-24 de agosto de 2014 foi realizado com pleno sucesso o curso da ACA de Águas Brancas ministrado pelo instrutor Fabio Raimo, no Parque das Laranjeiras, Três Coroas, RS. O curso contou com 6 participantes: de Porto Alegre vieram  Leonardo Esch, André Agustoni e Trieste Ricci; de Osório, RS, veio o Marcio Pereira, a quem devemos a iniciativa de trazer o curso e que fez as devidas tratativas necessárias; de Garopaba, SC, tivemos o Murilo Bellesi, que é também instrutor de canoagem oceânica; e de São Jerônimo, RS, tivemos o colega Leon Schuster. Todos ficaram hospedados na Pousada das Águas, localizada no próprio Parque das Laranjeiras (R$ 50,00 o pernoite por pessoa, acomodação em beliches, com direito a um bom café da manhã).

Como em todo curso da ACA, foram passadas muitas informações teóricas e práticas, focadas na realização da atividade com qualidade, segurança e diversão. No sábado, iniciamos as atividades às 9:00 no Parque das Laranjeiras com uma preleção inicial do instrutor.  Depois fomos para o rio trabalhar fundamentos básicos da canoagem de águas brancas. Essas atividades foram realizadas em dois “piscinões” do rio Paranhana situados bem no trecho final do rafting comercial local. Lanchamos durante o treino mesmo, à beira do rio. Às 17:00, voltamos para a pousada para um descanso. Às 18h30, já estávamos de volta aos trabalhos, desta vez uma clínica de rolamento na piscina térmica do FisioCenter, em Três Coroas. Para terminar bem o dia, o colega remador Sena e sua namorada, moradores de Três Coroas, nos levaram para jantar num local descolado da cidade. Acabamos dormindo praticamente à meia-noite, semidestruídos!

No domingo, por volta das 10:00, iniciamos com uma preleção teórica e muito esclarecedora do Fabio Raimo sobre os principais tipos de perigos existentes em rios, e como evitá-los. Depois nos dirigimos para a represa da antiga usina hidroelétrica para iniciar uma descida de 4 km do Paranhana até o Parque das Laranjeiras, com parada para lanche na “Pipoqueira”. A descida foi realizada em curtas etapas, praticamente indo-se de um remanso ao próximo, onde todos se reagrupavam, comentários eram feitos pelo instrutor e também onde escolhíamos a próxima “linha” a seguir até o remanso seguinte. Tal metodologia permitiu que implementássemos os conhecimentos vistos no dia anterior, de maneira bastante pensada e relaxada. As atividades se encerraram por volta das 17:00, com todos muito felizes e cansados. Valeu cada centavo gasto e cada minuto dispendido! E o tempo ajudou: nos dois dias fez sol direto e chegou a fazer calor. Esperamos que mais iniciativas do gênero ocorram no futuro!
Veja fotos do evento na postagem do mês de agosto de 2014 do blog do colega Leonardo Esch, em http://leonardoesch.blogspot.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *